Bleach e as batalhas no mundo espiritual



Aaaahh, a famosa receita para o sucesso, vamos fazer um Shounen, com muita porrada gratuita, com poderes, seres blaster poderosos e vender muito, podemos pensar isso, Sim, pois ele é contemporâneo de Naruto, que vai na mesma idéia, porém Bleach deu o tiro certo, pois começou a sair quando estavam começando alguns fillers de Naruto, então, fãs do estilo começaram a assistir, e gostaram, pois realmente a temática é bem legal, Shinigamis que lutam para balancear o mundo, purificando ou mandando pro inferno os espíritos intitulados Hollows.

Com 370 episódios no Anime e 686 capítulos no mangá, a Shonen Jump também anunciou um filme live action baseado na série. Diversão garantida para quem leu, está lendo, assistiu ou está assistindo. E só por curiosidade, essa é a segunda obra do autor Noriaki Kubo, que antes de Bleach lançou apenas um mangá chamado Zombiepowder em 1999, que por sua pouca popularidade, foi cancelado (Ironias da vida). Imaginamos o que mais ele poderá lançar após Bleach, espero que sejam muitas coisas boas!
Personagens]

Bleach tem muita influência de RPGs clássicos tipo Ragnarok, adaptados para o tema claro. Temos a presença de um guerreiro, um Arqueiro, um Bárbaro, uma guerreira com poderes de cura, um ladino, e um clérigo. Uma cidade labirinto com grupos de inimigos em vários lugares, Chefões e sub-chefões. Tá bom, vamos traduzir isso para o mundo Bleach...


Ichigo Kurosaki

Ichigo Kurosaki, o Shinigami substituto que tem um imenso poder espiritual e é o protagonista da série com seu cabelo laranja e sua zanpakutou do tamanho dele, meio que estilo de luta Berserk, ágil, porém com uma espada enorme. Com um aprendizado muito rápido ele consegue uma evolução muito grande num pouco período de tempo. Claro que seus treinadores são muito bons, tais como Urahara Kisuke e Yoruichi Shihouin .

Uryuu Ishida 

Uryuu Ishida é como um elfo, arqueiro e muito inteligente, ele é muito habilidoso com o arco e flecha espiritual que ele possui por ser um Quincy, um odiador de Shinigamis, ele luta na hora certa, é um estrategista, e tem a luva Sanrei, deixada pelo seu sensei que depois de um treino de 7 dias e 7 noites atirando flechas espirituais, aumenta muito consideravelmente o poder do Quincy que a usa, e essa luva ainda contém um poder maior, que é ativado quando é removida, parecido com uma Bankai.

Yasutora Sado, 'Chad' 

Yasutora Sado, ou Chad como Ichigo o chama, é comparado a um barbaro, mas porque você pergunta, ele é legal, se preocupa com os outros e quase não bate nos inimigos. Sim, realmente, mas em força física e ataques corpo a corpo, ele é páreo para um Juggernaut, ele invoca uma armadura para seu braço direito que funciona como uma radiação gama aumentando o poder de força e dando a capacidade de disparar seus golpes, para ataques de longo alcance. Não só no ataque, como na defesa também é muito bom, ele simplesmente não cai... É muito difícil derrubar o Sado, de todas as lutas que ele
teve, ele foi derrubado pelo capitão Kyouraku Shunsui, que não gosta de lutar e não o derrota.

Orihime Inoue

Orihime Inoue
é uma menina que você pensa que fará um papel legal no anime, mas não imagina que poder ela teria. Bom o poder dela nasce graças a Reiatsu que Ichigo fica emanando, ela consegue invocar seis seres espirituais, Ayame, Baigon, Hinagiku, Lily, Shunou e Tsubaki Cada qual com sua aparência e poder, e eles ficam escondidos nas presilhas de cabelo da Inoue. Eles são tipo projeções da alma, com o poder de “rejeição.” O que faz ela conseguir curar, materializar um escudo, e atacar um inimigo. Ela é como se fosse um Bardo, mas só na parte do apoio, pois ela é a personagem que fica na retaguarda, mas não necessariamente faz como um bardo que toca alguma coisa, mas apoia os outros hehe.

Ganju Shiba

Ganju Shiba, ele foi comparado com o ladino, mas porque? Ele não rouba. Mas ele tem técnicas de luta muito parecidas com as do tipo, ele é muito ágil para recuar, lutar e desviar de ataques, ele usa muitas distrações como fogos de artifícios para criar armadilhas, e tem a habilidade de usar Kidous de terra, que são tipo magias, ele consegue transformar coisas e áreas de terreno em areia ou areia movediça.

Hanatarou Yamada

Hanatarou Yamada é como um Clérigo, ele entrou para o grupo, pois ficou sabendo que Ichigo queria salvar Rukia, então resolveu ajudá-lo. Ele tem grande poder de cura, pois é do 4° esquadrão, o de apoio aos outros, então ele tem vários itens médicos e varias técnicas para apoio aos guerreiros. Ele tende a ser muito desajeitado e se desculpa de tudo, mas da pra ver que ele tem muito mais para oferecer que ele faz.

Kuchiki Rukia

Kuchiki Rukia é a shinigami responsável pela transformação de Ichigo. Ela usa muito bem as magias dos Kidous e Bakudous. Tem uma zanpakutou muito forte e muito bonita, pois quando disperta pelo nome, ela fica inteira branca, bainha, lamina e cabo.


Sobre os arcos

Ae, chegamos na parte dos arcos, não vou falar dos capitães um por um, pois são 13 e pra falar a verdade, é mais legal descobrir os poderes deles assistindo ou lendo, que são muito legais, são muito fortes e cada um tem um diferente e as Bankais são da hora pakas... Vale a pena ver esse arco para ver qual o nível dos lutadores.

Bom, no primeiro arco do anime, a coisa mais importante que acontece é a apresentação de Ichigo e Rukia, temos alguns outros personagens aparecendo, mas não como principais ainda, e temos a transformação de Ichigo, um cara de 15 anos em Shinigami, pois ele tem grande poder espiritual naturalmente, além de ver os “fantasmas”, ele consegue se comunicar com os mesmos, sendo assim, Rukia num momento tenso, o transforma em Shinigami e assim começa a jornada do nosso herói que apronta altas confusões tamanho família e num nível espiritual (Narrador da sessão da tarde feelings).

Depois de um tempo, Rukia é levada de volta para Soul Society (a cidade labirinto, onde os Shinigamis vivem, estudam e treinam) como prisioneira por permanecer muito tempo na terra e por ter transferido seus poderes para  Ichigo. Então Ichigo e seus amigos começam a treinar para entrar e salvar Rukia de ser executada, ai é onde descobrimos os outros poderosos do anime. Logo na entrada já começam a porradaria do arco, com o passar do tempo, mais porradaria, mais capitães fortes, e mais fortes, e mais lutas e dificuldades, e sangue jorrando, espadas, flechas, seres espirituais, braços fortes, curas, descansos, magias, ataduras, mais sangue, mais espadas, bom, é um exemplo de um ótimo shounen.

Depois de várias lutas, temos as apresentações das Bankais, temos a volta de Ichigo do treinamento para conseguir a sua Bankai, a luta de Ichigo com capitão Kuchiki Byakuya (que por sinal é animal e é quando vemos a Bankai do Ichigo). O legal de vermos essas coisas pela primeira vez é que é emocionante né, como a primeira vez que Goku virou SSJ, ou o Naruto ativou a Kyuubi. E detalhe que é em dobro, vemos a Bankai e o modo Hollow do Ichigo.

O resgate de Rukia e o General luta, e como todo bom sensei velho japonês com barba longa e tudo mais, é muito forte, mas muito forte mesmo.  E o final do arco da Soul Society, quando todos do Governo Central 46 são mortos, e descobrimos que o verdadeiro vilão era o Capitão Aizen, que enganou a todos . E no final Rukia fica na Soul Society e não volta com Ichigo, que por estar mais maduro entende na boa e acaba o arco da Soul Society no Ep. 63 do anime e Cap. 182 do mangá.


Sobre a música

Ah, não podia deixar de falar da trilha sonora do anime né? Como sou musico e amo musica, presto muita atenção a isso nos animes, e em Bleach não foi diferente. O Som ambiente de Bleach é bem feito, ele te leva a ficar na cena, te passa as emoções necessárias, tipo tensão, vitória, tristeza, essa coisas que acho que é um ponto muito importante para o anime te prender, nas cenas tristes e nas de ação acho que as musicas foram as melhores até agora. E falando em música, bora para as aberturas e encerramentos.

Bom aberturas até o final desse segundo arco, são três, a primeira abertura é com a música Asterisk – Orange Range, é um J-Pop bem legal de ouvir, não é aquele tipo cheio de barulhos que cansam o ouvido com muitas coisas agudas de efeitos eletronicos de teclado, claro tem muitos efeitos sim, mas nas partes instrumentais apenas, quando tem vocal, a dinâmica da musica cai e a voz fica como elemento principal, como um J-Pop deve ser hehe. A segunda abertura é D-TecnoLife – UVERworld , passamos agora para o J-Rock, guitarras mais na cara, delays, distorções, baixos bem presentes, bateras mais marcadas, com influencias de eletrônico, vocal legal, outra musica boa de se ouvir. Já na terceira abertura temos um Rock mais pesado, com dois vocais, um feminino e um masculino da banda HIGH and MIGHT Color com a música Ichirin No Hana, Rock com influencias de NuMetal e Hardcore, com elementos tipo vocais rasgados, riffs de guitarras pesadas, solos, batera bem pancada, enfim, um bom J-Rock, como precisa em animes Shounen.                          

Agora falando de encerramentos, notei que esses animes sempre colocam algumas músicas mais leves. No Bleach não é diferente, passamos por cinco encerramentos diferentes nesses dois arcos. A primeira musica de encerramento é Life is Like a Boat por Rie FU é um J-Pop do estilo feita para acalmar, bastante piano, e banda por trás, bem legalzinho de ouvir tb. O Segundo encerramento fica por conta de HOME MADE Kazoku com a canção Arigatou (leia como locutor de rádio). A musica tem aquela levada que vc não fica parado sabe, pelo menos o pé vc vai mexer, bastante violão, e batida de R&B, baixo bem colocado, com frases legais, mas também bem leve, pra balancear com a pancadaria do anime, e te acalmar para o que vem no próximo episódio hehe. A terceira música é mais do tipo Girl Rock, lembra Avril no começo,  tipo Skater Boy. A música chama Houki Boshi é cantada por Younha, apresenta eletemos de Girl Rock, um Pop-Rock basicamente. A Quarta musica de encerramento desses arcos é Happy People por Skoop on Somebody, voltamos para as músicas R&B japonesas, uma musica feliz, posso definir assim. A ultima musica de encerramento é Life cantada por Yui, é um j-pop bem levinho também, estilo girl pop-rock como Younha.
   

Mensagem

Agora vem a parte que mais gosto de escrever, a parte da mensagem que o desenho passa, pois olhando por cima dos Shinigamis, dos Hollows e por cima de tudo, espremendo o desenho e tirando um “suco” da essência do anime, o que podemos tirar de tudo isso?

O que eu tiro desse anime é que o mundo espiritual é muito bem representado e muito bem apresentado, CALMA, não é uma heresia, os japoneses não estão deturpando a palavra de Deus e eu não estou louco por achar isso, vamos por partes...
Os shinigamis não são vistos pelos seres humanos meros mortais, assim como os anjos que estão ao nosso redor, lutando com os demônios que estão ao nosso derredor, a espreita, esperando um momento oportuno para nos atacar.

O mundo espiritual é uma constante guerra, assim como no anime, isso é bem retratado, pois várias vezes, existe uma luta grande e as pessoas continuam vivendo suas vidas. Vejo que isso é o que acontece conosco, enquanto estamos vivendo nossas vidas, existe um mundo em guerra na dimensão espiritual que não percebemos e muitas vezes não levamos a sério. 

A Verdade é que a nossa luta não é contra carne ou sangue , mas sim nas regiões espirituais contra as potestades 
(Efésios 6: 12), ou seja, nossa batalha não é vencida pela nossa força física, ou pela nossa habilidade de luta e sim pela nossa força espiritual em Deus, quando estamos fortes espiritualmente, somos muito mais temidos no mundo espiritual a ponto de liberar a bankai da nossa espada que é a palavra de Deus, quanto mais conhecemos a palavra, mais liberamos seu poder através de nossas vidas!!! 


Por: Tato Luiz Campos
Share on Google Plus

Sobre Otaku Cristão

Levar o amor de Deus a todos, de forma legal, diferente e divertida, e sempre com sabedoria e a graça de Deus! Marcos 16:15.

2 comentários:

  1. poderia falar sobre os animes twin spica , clannad e ishukan friends ?

    ResponderExcluir
  2. Muito top a analogia, meu esposo adora esse anime *-*

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário :D